A importância do Superaquecimento e Sub-Resfriamento na Refrigeração

Olá Amigo tudo bem? Espero que sim! 🙂 Você já se deparou com alguma situação em que você precisasse fazer o Superaquecimento e Sub-Resfriamento mais não soubesse como?

Pois é! Muitas pessoas me pergunta por E-mail, o que é e como funciona todo esse mistério do Superaquecimento e Sub-Resfriamento na refrigeração, veja abaixo em detalhes.

Refrigeração ciclo futuro de vivencias.

Calculando Superaquecimento e Sub-Resfriamento

Alguns sistemas de refrigeração fazem parte do nosso dia a dia – ele está presente em refrigeradores, ar-condicionado, aquecedores e entre outros objetos que utilizamos em nosso lar e fora dele também – por exemplo, os freezers de frigoríficos e de lanchonetes.

Por isso, é muito importante que saibamos um pouco de tudo sobre o seu funcionamento, já que à medida que o tempo passa, muitos defeitos vão surgindo nesses aparelhos e a maioria deles nós não temos como mensurar um tempo correto para que esses defeitos venham a surgir.

Dentre os defeitos mais comuns que ocorrem com aparelhos que utilizam a refrigeração, os mais comuns de se acontecer e que causam bastante dores de cabeça tanto para os donos quanto para os mecânicos, são os casos de superaquecimento e sub-resfriamento na refrigeração.

Você sabe o que é? Sabe como resolvê-lo? Quais são as consequências desses dois tipos de defeito que os aparelhos podem causar? Todas estas perguntas serão respondidas à medida que você ler este artigo até o final. Por isso, papel e caneta na mão e saiba mais sobre este assunto.

O que é Sistema de Refrigeração

Antes de partirmos para o assunto principal deste artigo, vamos entender alguns conceitos-base importantes para que nós possamos ter um completo conhecimento sobre o tema.

Em primeiro lugar devemos saber o que é um sistema de refrigeração.

Em segundo lugar é importante saber o significado da palavra refrigeração.

  • O termo que vem da física que aprendemos na escola, designa a ação de resfriar determinado ambiente de forma controlada.

 

  • As funções desse resfriamento são várias em nosso dia a dia: seja para conservar carnes ou amenizar o clima cada vez mais quente de algumas de nossas cidades.

 

  • Seja para o conforto térmico ou para conservar produtos, a refrigeração faz parte do nosso dia a dia e é de extrema importância para nós.

 

Por que ele é importante?

Como foi dito acima, o processo de resfriamento tem diversas funções para a vida em sociedade.

Em geral escritórios, utilizam em larga escala os refrigeradores de ar (ou aparelhos de ar-condicionado) para poder realizarem serviços.

Alimentos são levados em câmaras frias a longas distâncias – que, caso não fossem transportadas dessa maneira levaria uma determinada região a escassez daquele alimento, já que o produto apodreceria durante o trajeto.Superaquecimento e Sub-Resfriamento produtos e carnes

Como se pode perceber, em nosso dia a dia os sistemas de refrigeração são de extrema importância e não podem nos faltar.

E, além disso, ao nos depararmos com um problema nessas peças é importante que, se por acaso ainda estiver dentro da garantia de serviço, entre em contato com a revendedora.

Já que, os problemas de superaquecimento e sub-resfriamento variam de produto para produto (por exemplo, você pode ter adquirido um condicionador de ar maior que possa ter uma temperatura de saturação maior que outro modelo).

Ao levar para o conserto tenha em mãos essas informações para evitar que você perca peças que não estão com defeito no seu aparelho e assim ainda levar o seu produto novamente para casa com o mesmo defeito.

Evite estes tipos de estresse e não gaste mais dinheiro do que deve.

Solicite que a manutenção faça uma verificação de superaquecimento ou sub-resfriamento de refrigeração (que iremos ensinar mais à frente) para que assim você tenha certeza de que essa anomalia será resolvida e você gastará menos do que pensou.

 

Como se dá a Refrigeração?

Ar-condicionado Superaquecimento e Sub-Resfriamento

Para que se possa diminuir a temperatura é preciso que seja retirada energia térmica de um meio. Após um ciclo termodinâmico, o calor é retirado do ambiente que vai ser refrigerado e é enviado para fora do ambiente.

É por essa razão, que, quando instalamos um ar-condicionado o seu condensador deve estar na parte externa da casa – se por acaso ele estiver ligada a um ambiente fechado, o aparelho pode vir a parar de funcionar em determinado momento.

Como se pode perceber a refrigeração não elimina o calor, apenas move-o de um lugar para outro.

Superaquecimento e Sub-resfriamento

Da mesma maneira que fizemos com a palavra refrigeração vamos partir para uma análise literal de superaquecimento e sub-resfriamento para só depois vermos a sua influência sobre a refrigeração.

Superaquecimento, como o próprio nome diz se refere a uma temperatura acima do normal – não necessariamente muito quente, mas apenas acima do valor de saturação (que varia de acordo com a pressão atmosférica).

A saturação, no caso, é a temperatura limite da mudança de fases (no caso, líquido para vapor, por exemplo).

  • Ela é também conhecida como temperatura de condensação (quando por exemplo a água passa do seu estado de vapor para líquido) ou ainda a temperatura de evaporação (que faz o processo reverso, ou seja, líquido para vapor).

O conhecimento básico sobre física pode ajudar melhor neste sentido.

Dessa maneira, o Sub-resfriamento então é quando a temperatura está abaixo do normal, obviamente.

Partindo para os conceitos de refrigeração, o que isso significa?

No caso do superaquecimento, é uma variação de temperatura depois que todo o fluido refrigerante é evaporado no evaporador.

Sub-resfriamento então é a mudança de temperatura após a condensação (mudança de estado de vapor para o líquido) do fluido refrigerante no condensador.

Quais as consequências do Superaquecimento.

Dentre as consequências de um superaquecimento estão inclusas a quebra mecânica prematura do compressor, além da carbonização (queima) do óleo.

Este processo de carbonização também irá resultar em um desgaste antecipado das partes móveis do compressor.

Além disso não haverá resfriamento dos motores elétricos deste mesmo compressor – ocasionando assim, problemas mais graves, como por exemplo, a queima do enrolamento do estator.

E, claro, como não poderia deixar de ser, uma redução da capacidade frigorífica do evaporador e aumento da potência consumida pelo compressor – tudo isso sem contar com o fato de que, por se tratar de um processo que envolve troca de calor, o consumo de sua energia elétrica será duplamente elevado.

Quais as consequências do Sub-resfriamento.a consequências do Superaquecimento e Sub-Resfriamento

Assim como o consumo de energia elétrica será elevado em caso de superaquecimento, no sub-resfriamento isso também ocorrerá.

Além disso, também surgirá a presença do chamado flash gás (que é a evaporação instantânea do líquido refrigerante.

No caso, isso fará com que a válvula de expansão entre em um modo de ação moduladora da válvula, o que significa que ela (a válvula) ficará comprometida com a presença do vapor refrigerante.

 

Como Resolver estes problemas.

Em primeiro lugar é necessário detectar o superaquecimento ou o sub-resfriamento do aparelho.

Esse processo é feito através de ferramentas que irão auxiliar no diagnóstico necessário para o conserto desse problema.

É necessário que essa detecção seja feita para que não seja feito um diagnóstico incorreto que vai fazer com que os proprietários do aparelho percam tempo e dinheiro – e acabar recaindo sobre as costas do mecânico a culpa de um serviço mal feito.

Para se calcular o superaquecimento de um sistema refrigerador são necessários:

  • Instalação de um manômetro de baixa na sucção próximo ao compressor.

 

  • Instalar sensor do termômetro no mesmo local.

 

  • Medir pressão de baixa.

 

  • Medir o termômetro.

 

  • Comparar pressão e a tabela termodinâmica do fluido refrigerante.

 

  • Converter pressão em temperatura.

 

  • Diminuir a temperatura de sucção pela temperatura de evaporação e verificar se há superaquecimento.

No caso do sub-resfriamento na refrigeração são necessárias as seguintes etapas:

  • Fazer a instalação do manômetro de alta na descarga do compressor.

 

  • Instalar sensor do termômetro na linha de líquido após o condensador.

 

  • Isolar o sensor.

 

  • Medir a pressão de alta.

 

  • Medir e anotar o valor do termômetro.

 

  • Comparar a pressão anotada com a tabela termodinâmica do fluido refrigerante.

 

  • Converter pressão em temperatura.

 

  • Diminuir a temperatura de condensação pela temperatura da linha do líquido refrigerante e verificar se há sub-resfriamento.

Não esquecendo, claro de verificar quais são os valores de superaquecimento e sub-resfriamento na refrigeração que são indicados pelo fabricante.

Conclusão.

Como se sabe, para se lidar com problemas de refrigeração são necessários técnicos que tenham conhecimento para tratar do assunto, já que ele pode ser facilmente confundido com outros problemas de outras peças.

A consequência disso é que será feito um retrabalho (isso se o proprietário do sistema de refrigeração com defeito decidir-se por fazer o trabalho novamente com o mesmo profissional) e perder-se-á muito tempo com isso.

Por essa razão é que é necessário que, se possível, todas as manutenções a serem realizadas em seus aparelhos sejam feitas por mecânicas autorizadas que tenham conhecimento sobre refrigeração e do funcionamento de seu aparelho.

E você, consumidor, que está diante deste tipo de problema é preciso que fique atento aos sinais de sub-resfriamento ou superaquecimento na refrigeração – já que a maior parte das consequências desse problema recairão sobre o seu bolso.

Esteja sempre atento ao comportamento e ao funcionamento do seu produto para que assim você possa usufruir o melhor que ele tem a lhe oferecer.

E tudo isso, consumindo bem menos – o que fará com que você não perca nem tempo, nem dinheiro e nem a sua paciência.

 

E aí, gostou do artigo acima sobre Superaquecimento e Sub-Resfriamento? Deixe um comentário abaixo! Não esqueça de compartilhar em suas redes sociais e marcar os seus amigos. Fique ligado também em mais novidades e até a próxima!

HÁ QUASE ME ESQUECI CURTA NOSSA PAGINA NO FACEBOOK.

Outros artigos que possa lhe interessar > 

Códigos de erro do ar-condicionado ELECTROLUX e (Soluções)

Códigos de erro do ar-condicionado KOMECO [Falhas]

Códigos erro de ar-condicionado, as 15 (Marcas Mais Usadas)

Ar-condicionado movido a energia solar no brasil sonho ou realidade?

Curso conserto em placas de ar-condicionado [COM CERTIFICADO]

Quanto vale seu conhecimento na área de refrigeração e ar-condicionado.

A importância do Superaquecimento e Sub-Resfriamento na Refrigeração
5 (100%) 5 votos

Raphael Araújo

Seja bem vindo ao *Blog Goiânia ar-condicionado* Sou Raphael Araujo e vamos falar muito sobre ar-condicionado, todas as dicas relacionadas ao assunto e deixar você leitor por dentro de tudo. Qualquer crítica construtiva é bem vinda assim como os elogios, entre em contato por e-mail e deixe suas sugestões obrigado!

Website: http://www.goianiaarcondicionado.com/

Obrigado por deixar seu comentário!